Seja Bem Vindo!

Eu não preciso de ti. Tu não precisas de mim. Mas, se tu me cativares, e se eu te cativar...Ambos precisaremos, um do outro. A gente só conhece bem as coisas que cativou, por isso tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas!

(Antoine de Saint-Exupéry).


quarta-feira, 14 de abril de 2010

Borboleta e felicidade...

Bem...ando tão distraida ultimamente!


Felicidade é igual a uma borboleta:
quanto mais você corre atrás, mais ela foge...
Daí um dia você se distrai e ela pousa em seu ombro!

11 comentários:

Yasmine Lemos disse...

oba! Ana Karla ainda não chegou rsss deixei um selinho pra vc Mari lá no meu blog! Eu sou Felipe massa e Ana é Rubinho :D

Flavio Ferrari disse...

Linda analogia ... o único inconveniente é que pode sugerir que você não precisa fazer nada para que ela pouse no seu ombro ...

Guará Matos disse...

Voar, subir, pousar em você.
Bjs.

manuel marques disse...

Não somos nada, sem felicidade ...

Beijo.

Leonardo B. disse...

[quando preciso dum sorriso, tenho que passar aqui na sua esplanada Mari... dá vontade "roubar" algo, como se fosse roubo de fruta, que é quando sabe melhor... muito melhor! Roubei um sorriso, vou e volto...]

um imenso abraço, Mari

Leonardo B.

Nanda Nascimento disse...

É verdade...e quando ela pousa, a calmaria é imensa.

Mari disse...

Yasmine,
Obrigada pelo presente!
bjs

Mari disse...

Oi Flavio,
Não concordo não...
Ele sugere que às vezes a felicidade pode estar bem debaixo do nariz...e a gente não vê!
Beijos querido

Mari disse...

Oi Guará...
Tô de olho na danada rsrs
bjs

Mari disse...

Oi manuel...
Sem ela somos quase nada...
Sem ela e sem amor é que somos nada!
Beijos

Mari disse...

Oi Leonardo...
Obrigada pelas palavras... só mesmo um poeta como você para dizer isto!
Beijo

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails