Seja Bem Vindo!

Eu não preciso de ti. Tu não precisas de mim. Mas, se tu me cativares, e se eu te cativar...Ambos precisaremos, um do outro. A gente só conhece bem as coisas que cativou, por isso tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas!

(Antoine de Saint-Exupéry).


terça-feira, 8 de junho de 2010

Quando sair de cena...


Hoje depois de conversar com uma amiga que me dizia estar achando que seu namoro estava na u.t.i. pois não sentia mais aquele ânimo de antes no seu namorado...e que tinha medo de perguntar alguma coisa e perdê-lo...Fiquei pensando mais sobre o assunto...


Eu acredito que devemos estar sempre atentos ao momento de sair de cena.
Sim, porque fatalmente sempre vai existir uma situação na qual deveremos nos retirar do palco..e de preferência fazer isto com classe e elegância, bem, eu pelo menos primo por estas coisas...a classe, a elegância, e principalmente, o amor próprio. Sim, porque ao longo do caminho eu aprendi que eu mereço respeito, então para ser respeitada preciso respeitar o outro e me respeitar também!


Esta saída de cena à qual me refiro, é aquele momento em que percebemos mudanças acentuadas em uma determinada situação, basicamente nas relações humanas.
Os relacionamentos amorosos por exemplo, quando começam são necessariamente muito intensos, muitas conversas, telefonemas, emails, torpedos, encontros, enfim sente-se uma necessidade grande de estar em contato o máximo de tempo possível e de todas as formas.
Claro que com o passar do tempo e com a convivência, a relação sofre uma acomodação natural, onde estas expressões entusiasmadas do começo dão lugar a outros tipos de manifestações entre o casal...e isto acontece de uma forma tranquila e consensual entre os parceiros.
Porém, em alguns casos nota-se um distanciamento muito mais acentuado do que o esperado ou o normal, é justamente nestas situações que precisamos estar mais atentos, por que de uma forma geral até percebemos este desinteresse, porém, envolvidos que estamos é mais conveniente muitas vezes, fingir que não se nota e continuar como se nada tivesse mudado.


Neste momento é preciso sim, sinalizar para o outro que estamos percebendo o distanciamento. É a hora de perguntar se existe algum problema alheio ao relacionamento ou se é mesmo o desinteresse que está chegando. Depois de feita a pergunta e dependendo da resposta, a gente espera ou não mais um pouco até que as coisas voltem ao normal, porém, no caso do comportamento ser diferente da resposta, ou seja, a resposta diz que está tudo bem e o comportamento continua de distanciamento...então este é o momento ao qual me referia, ou seja...é hora de sair de cena, abandonar o palco com graça e elegância pois o espetáculo não tem mais porque continuar, não se apenas um entra em cena e atua...
Isto tem a ver com atitude e com amor próprio como eu disse antes, quando a gente se ama e se respeita o suficiente, aprende a não aceitar mais migalhas...de afeto principalmente, a gente aprende que pode seguir adiante mesmo que se esteja só, pois é melhor saber-se só, do que supostamente acompanhado.

By: Mari

5 comentários:

Pérola disse...

Somos iguais mesmo a julgar pelo texto, afinidade absoluta.
Eu sou do tipo de tirar o banquinho e sair de fininho com elegância é claro rs.
Eu já disse numa de minhas postagens que correr atrás do vento sem objetivos nunca foi e nem será minha intenção.
Brindemos amada.
Beijos e saio daqui consciênte da belezura de ser humano que vc é,parabéns pra nóis rs.
Beijos millllllllllllll

Alma Serena disse...

Pois então, Mari! É isso mesmo. Alguns arranhões sempre ficam. Feridas às vezes. Mas não podemos nos contentar com as migalhas do banquete dos outros. Ou somos pra valer ou nunca fomos. Mais uma bela reflexão sua. Sensata, sincera, humana. Uma linda tarde pra você. Espero continuar meu aprendizado por aqui, por muito tempo!! rs

Mari disse...

O Pérola querida...

Eu não te falei? rsrs
Obrigada pelo elogio...e parábens então pra nós!
Beijokas

Mari disse...

Oi Alma...

Pois é minha amiga, nesat vida tudo é aprendizado e até do que é ruim a gente tira uma lição!
Beijos

Marya - Vivo por Jesus disse...

Estou sentindo-me assim... creio que é realmente hora de sair de cena!!!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails