Seja Bem Vindo!

Eu não preciso de ti. Tu não precisas de mim. Mas, se tu me cativares, e se eu te cativar...Ambos precisaremos, um do outro. A gente só conhece bem as coisas que cativou, por isso tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas!

(Antoine de Saint-Exupéry).


terça-feira, 9 de novembro de 2010

Muito bom dia!




Este alerta está colocado na porta de um espaço terapêutico.

O resfriado escorre quando o corpo não chora. 
A dor de garganta entope quando não é possível comunicar as aflições.
 
O estômago arde quando as raivas não conseguem sair.
 
O corpo engorda quando a insatisfação aperta.
 
A dor de cabeça deprime quando as duvidas aumentam.
 
O coração desiste quando o sentido da vida parece terminar.
 
A alergia aparece quando o perfeccionismo fica intolerável.
 
As unhas quebram quando as defesas ficam ameaçadas.
 
O peito aperta quando o orgulho escraviza
O coração enfarta quando chega a ingratidão.
 
A pressão sobe quando o medo aprisiona.
 
As neuroses paralisam quando a"criança interna" tiraniza.
 
A febre esquenta quando as defesas detonam as fronteiras da imunidade. 


Preste atenção! 


O plantio é livre, a colheita, obrigatória ... Preste atenção no que você esta plantando, pois será  a mesma coisa que irá colher!

p.s: Normalmente acontece após 3 dias após do "acontecido",  descubra o que te prejudicou coloque para fora, em conversa com amigos ou com um profissional, que você se cura!

Assim sendo, desejo que você se cuide, porque sua saúde e sua vida dependem de suas escolhas!

Escolha ser feliz!

10 comentários:

angela disse...

Gostei.
beijos

Denise disse...

Muito bom dia pra vc tb, querida!!

Esse aviso é um alerta curioso, mas bem verdadeiro!
Que não seja preciso adoecer para aprender, não é?
Um bjo e feliz dia pra vc!!!

Guará Matos disse...

Bom dia para você também.
Abraços.

Isadora disse...

Olha Mari, o nosso corpo sem dúvida se manifesta quando os nossos sentimentos estão desalinhados. Disso não tenho a menor dúvida.
Acredito que nosso grande desafio é saber domar todos esses sentimentos que acabam por minhar também nossa saúde.
Um beijinho

JOE ANT disse...

Eu, como velha águia, tomei a devida nota.
Apesar das escolhas serem difíceis,
não perco nada em "renovar-me" para novas escolhas.

Cacá disse...

Oi, Mari, primeiramente, obrigado pelo carinho da visita. "Segundamente", se me permitir vou copiar e colar nos e-mails de amigos e familiares. Gostei demais. Um grande abraço. paz e bem.

Silenciosamente ouvindo... disse...

Todos os avisos que são alertas
para a melhoria da nossa saúde
são bem-vindos.
Obrigada pela visita.Beijinho/Irene

Chica disse...

Muito linda essA MENSAGEM,MARI! UM BEIOJO,TUDO DE BOM,CHICA

M. Sueli Gallacci disse...

Olha só, recebi um e-mail essa semana com esse texto. Achei fantástico, até pq estou com um resfriado daqueles! Fiquei pensando se eu estava precisando chorar um pouco ao invéz de rir tanto kkkkkkkkkkkk. Aff, isola! Prefiro ficar resfriada e continuar rindo rsrs.

Um bjo enorme, amiga!

GEEL - Grupo Espírita Esperança e Luz disse...

Seu texto me fez refletir, ou pelo menos me preocupar porque estou com um baita resfriado que tá judiando, mas como você disse accho que estou precisando chorar um pouco, credo qui nada vou é tomar um xarope de mel com alho bem quente e continuar rindo à toa que é bem melhor.
Beijos.

Sonia.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails