Seja Bem Vindo!

Eu não preciso de ti. Tu não precisas de mim. Mas, se tu me cativares, e se eu te cativar...Ambos precisaremos, um do outro. A gente só conhece bem as coisas que cativou, por isso tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas!

(Antoine de Saint-Exupéry).


terça-feira, 21 de dezembro de 2010

"P" da vida!



Acho que neste país os parlamentares pensam que o povo é bobo! Tudo bem que muita gente é mesmo...vide o resultado das últimas eleições....
Agora...auto-conceder um aumento de 61,83% nos próprios salários...realmente é chamar todo mundo de palhaço!
Enquanto isto, dizem que aumentar o salário mínimo vai onerar os cofres públicos; que reajustes na aposentadoria só depois de uma reforma fiscal...
Que saúde de qualidade só com a volta da CPMF ou similar! Certamente ela volta...mas para tapar outros buracos!
Não tem como não ficar muito "P" da vida! 




Fonte: Denise Madueño, de O Estado de S.Paulo
BRASÍLIA - No último dia de votação efetiva na Câmara, o plenário aprovou o projeto de aumento de 61,83% nos salários dos próprios parlamentares, de 133,96% no valor do vencimento do presidente da República e de 148,63% no salário do vice-presidente e dos ministros de Estado. O projeto iguala em R$ 26.723,13 os salários dos deputados, dos senadores, do presidente da República, do vice-presidente da República e dos ministros do Executivo. Esse é o mesmo valor do salário do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), que serve como teto do funcionalismo público.
Atualmente, o presidente ganha R$ 11.420,21 brutos, o menor salário entre os chefes dos três poderes. Os deputados e os senadores recebem R$ 16.512 mil - ao todo são 15 salários por ano - e o vice-presidente e os ministros ligados ao Executivo têm o salário de R$ 10.748,00.
Em 2007, os parlamentares reajustaram seus salários em 28,5%, que repôs a inflação acumulada de quatro anos.
É sempre bom saber, clique aqui e confira: Lista dos Deputados que foram a FAVOR e os que foram CONTRA

7 comentários:

Dilmar Gomes disse...

Cara amiga, eu não estou indignado, digo, muito indignado, porque, infelizmente, com o tempo fui perdendo o senso de indignação, sobretudo à medida que diminuia minha expectativa em relação à classe política, e, hoje estou tão descrente que já não consigo votar em ninguém. Acho que Maquiavel tinha razão. Dê uma olhada no meu blog e veja que antes das eleições, postei alguns poemas onde falo da minha descrença na política. Feliz de você que ainda consegue se indignar.
Um grande abraço e um feliz Natal na paz de Cristo.



.

Chica disse...

Realmente é uma barbariudade e sacanagem com o povo! Mas, não vamos deixar que estraguem nosso espírito,não merecem... FELIZ NATAL , tudo de bom,chica

Flavio Ferrari disse...

O problema não é o aumento em si ... um presidente deveria ganhar muito mais do que R$ 26 mil, considerando a responsabilidade que tem ...
A questão é a qualidade do serviço prestado ao povo.

ⓣⓔⓡⓔⓢⓐ ⓒⓡⓘⓢⓣⓘⓝⓐ disse...

O deles está mais que aprovado o aumento, enquanto isto os brasileiros tem que ler a constituição e ver que a teoria não condiz com a realidade:que país é este??
Mas tem nada não, já já o povo esquece...passou final de ano, chega o carnaval e continua td na mesma...
Com ctz é pra ficar P da vida!!!
Bjs

Guará Matos disse...

Vou deixar pra esculhambar esse bando de "fidégua" depois das festas.
Agora que lhe deixar um grande beijo de muitas felicidades.

Cacá - José Cláudio disse...

a coisa pública é privada. (com trocadilho). Bom dia, Mari! Feliz Natal. Paz e bem.

JOE ANT disse...

Por isso é que eles "quase se matam"
e "esgadanham" para ganhar o lugar!
Até o "palhaço"!!!
...
E nós vamos na conversa ...
Votamos e damos-lhes essa benesse!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails