Seja Bem Vindo!

Eu não preciso de ti. Tu não precisas de mim. Mas, se tu me cativares, e se eu te cativar...Ambos precisaremos, um do outro. A gente só conhece bem as coisas que cativou, por isso tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas!

(Antoine de Saint-Exupéry).


quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Bom dia!


A gente precisa mesmo ser malabarista para equilibrar todas as emoções às quais somos submetidos diariamente!!!

E haja controle...ou descontrole emocional!
Eu decidi e estou colocando em prática que o meu dia vai ser um dia equilibrado e de qualidade!
Não é nada simples, aliás, é super complicado, porque o que tenho experimentado é que precisa de muita energia para driblar as diversas armadilhas que as emoções nos causam.
Daí acordo, tomo um banho gostoso, me arrumo e vou trabalhar.
O trânsito é caótico, mas decidi que não vou deixar este fato tirar meu bom humor. Ligo o som, coloco meu cd favorito e vou cantarolando no meio de um mar de carros, de gente impaciente, que fica buzinando mesmo vendo que não tem nada que se possa fazer...a não ser esperar.
Depois de algum tempo o trânsito começa a fluir e chego ao trabalho.
O dia parece que vai ser bom...poucos emails na caixa de entrada, nenhum recado na secretária eletrônica, nenhuma pendência do dia anterior...enfim, tem tudo para ser um dia light.
Mas ao longo do dia vou me deparando com as emoções alheias...ora compatíveis com as minhas, ora nem tão coesas assim com a minha determinação em ter um bom dia.
É aí que entra a minha determinação em não me deixar envolver pela energia do outro, em conseguir separar o que é dele e o que é meu...é bem complicado lidar com tudo isto.
Mas eu estou realmente decidida a ter qualidade ao longo do meu dia, então...respiro fundo e procuro não me desviar do meu objetivo.
Penso que o melhor a fazer é tentar envolver o outro na minha energia, porque só assim vou conseguir seguir firme no meu intuito e quem sabe conseguir mudar nem que seja um pouco a energia do outro.
Não é fácil não...é um árduo caminho e precisa de muita dedicação e paciência, principalmente paciência para lidar primeiramente com as nossas próprias emoções, nos tornando mais tolerantes e compreensivos.
A meu ver o importante é começar!
Começar a promover pequenas mudanças aqui e ali; exercitar a paciência e a compreensão...mudar aos poucos a sintonia, reaprender a olhar para si e para o outro!

By: Mari

"Mude. Isto tem o poder de enobrecer, curar, estimular, surpreender, abrir novas portas, trazer experiência nova e criar excitação na vida. Certamente vale o risco."

( LEO BUSCAGLIA )

4 comentários:

Chica disse...

Precisamos mesmo e muito de mudanças em nós senão batemos as boras antes do tempo com pequenas irritações no dia a dia!

beijos,chica

Vivian disse...

Bom dia,Mari!!

Perfeito seu texto!! E como é difícil,manter o equilíbrio emocional!!
Mas penso como você, se não tentarmos, nunca vamos conseguir.
Tudo é treino,e o começo é difícil, porque mudar padrões de comportamento requer energia extra e paciência!!
Mas com certeza vale a pena!!
Bom dia!!
Seja muito bem vinda!!!
Seu cantinho é iluminado!

Yasmine Lemos disse...

Nossa Mari ,isso pra mim é mais que desafio.Eu sou dificil de controlar,meus olhos falam meu corpo reage sem que eu tenha nenhuma autoridade sobre a emoção.Mas ...nada é impossivel
beijo querida um otimo dia

JOE ANT disse...

Nessas vivência diárias, nessas lidações com esse meio, é preciso saber reconhecer o risco, viver o risco, driblar o risco, vencer o risco.
Sem arriscar sair do risco, sem riscar o risco traçado, sem por o pé fora do risco, sem perder a capacidade de enfrentar todo e qualquer risco, com um grãozinho de emoção e coração.
Sobretudo... sem capitular.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails