Seja Bem Vindo!

Eu não preciso de ti. Tu não precisas de mim. Mas, se tu me cativares, e se eu te cativar...Ambos precisaremos, um do outro. A gente só conhece bem as coisas que cativou, por isso tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas!

(Antoine de Saint-Exupéry).


quinta-feira, 17 de maio de 2012

Um conto de amor...(Over you)



Eles se encontraram em uma certa altura de suas vidas, já maduros, já vividos...
Perceberam-se apaixonados tão logo seus olhares se cruzaram pela primeira vez.
Era como se já se conhecessem há muito, muito tempo.
Havia uma total sintonia entre eles.
Tinham o mesmo jeito de viver a vida, gostavam das mesmas coisas, 
tinham a mesma crença.
Eles realmente tinham sido feitos um para o outro...
Mas como todo grande amor, existiram alguns desencontros 
e outros tantos encontros.
Nenhum deles se furtava quando a vida os convidava a viver aquele amor...
Sim, eles fizeram algumas loucuras em nosso deste amor!
E todas as vezes foram imensamente felizes, completos um no outro.
Mas o destino tem razões que não podem ser compreendidas, 
talvez não neste plano.
E sem entender direito como ou porque...eles hoje estão separados, 
cada qual seguindo seu caminho.
Mas esta separação é apenas física, pois, 
suas almas continuam unidas por aquele amor...
E por mais que tentem, não conseguem se distanciar...
mesmo estando distantes.
É estranho, mas é assim que acontece.
Eles sentem um ao outro, nos bons e nos maus momentos...
percebem-se e quase se tocam.
Falam um com o outro através das músicas...
e nestes momentos desfrutam encontros plenos de emoção.
Quem sabe um dia...aqui, em outro plano, 
em outra vida conseguirão quem sabe, viver a plenitude deste amor!

By: Mari

2 comentários:

Dilmar Gomes disse...

Pois é amiga Mari, alguns espíritos podem se cruzar em várias encarnações.
Um abraço. Tenhas uma boa noite.

✿ chica disse...

Lindo,Mari e sempre é legal te ler e passar aqui!beijos,chica

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails