Seja Bem Vindo!

Eu não preciso de ti. Tu não precisas de mim. Mas, se tu me cativares, e se eu te cativar...Ambos precisaremos, um do outro. A gente só conhece bem as coisas que cativou, por isso tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas!

(Antoine de Saint-Exupéry).


sábado, 12 de junho de 2010

Uma grande verdade


"Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas, que já tem a forma do nosso corpo, e esquecer os nossos caminhos que nos levam sempre aos mesmos lugares.
É o tempo da travessia.
E, se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos."

(Fernando Pessoa )

13 comentários:

manuel marques disse...

O tempo não pára! Só a saudade é que faz as coisas pararem no tempo...

Mário Quintana

beijinho.

Andre Martin disse...

Ou seja: seja!...
É tempo de se superar, de se aventurar, de ultrapassar os limites, de ir além.
É tempo de provar outros tempos.
É tempo de Fernando ser pessoa. rs

Mari disse...

Lindo isso Manuel, adorei.
Beijo

Marliborges disse...

Oi Mari,
Acho tão lindas e tão verdadeiras essas palavras de Pessoa, que tenho elas permanente em meu blog. E procuro segui-las. Bjssssss

Yasmine Lemos disse...

Tempo qual a melhor hora? acredito que é quando ousamos não parar no caminho,enfrentar as curvas. Um feliz fds Mari! e meu beijo

Cacá disse...

"Solto a voz nas estradas
já não quero parar
meu caminho é de pedra
como posso sonhar?..." (M. Nascimento)

Acho que o Milton se inspirou em Pessoa para compor esta música. E tem ambos razão. E a você, obrigado pela partilha. Abraços. Paz e bem.

Mari disse...

Pois é André...

Tempo de recomeçar, renovar e reinventar a felicidade!
Beijos

Mari disse...

Yasmine querida,

Bela a sua reflexão amiga!
Bom final de semana!
Um beijo

Mari disse...

Oi Cacá,

Verdade...tem tudo a ver mesmo, bem lembrado.
Bom fim de semana!
Abraço

O Blog dos Blogs disse...

Mari,

Você e o seu Blog foram indicados para participar do “O Blog dos Blogs”.
Nossa proposta é gratuita e bem interessante. Estamos no Twitter e no Facebook, entre outros caminhos, abrindo novos horizontes para que o associado tenha seu nome e seu blog amplamente divulgados na Web.
Vale a pena conferir e participar!

Visite: blogdosblogs-literatura.blogspot.com e veja como fazer para se associar.

Nanda Nascimento disse...

São nestas pequenas mudanças, que surgem grandes diferenças.

Sempre me lembro destas palavras quando vejo que estou quase completando o círculo.

Beijos e flores!

Mari disse...

Nanda querida,

Que sua semana seja repleta de luz amiga...
O que vc disse é mesmo uma grande verdade.
Um beijo

JOE ANT disse...

No tempo da travessia, um poema de alguém muito importante nas "nossas" letras, por ela dedicado a Pessoa::
...

Fernando Pessoa

Teu canto justo que desdenha as sombras
Limpo de vida viúvo de pessoa
Teu corajoso ousar não ser ninguém
Tua navegação com bússola e sem astros
No mar indefinido
Teu exacto conhecimento impossessivo.

Criaram teu poema arquitectura
E és semelhante a um deus de quatro rostos
E és semelhante a um de deus de muitos nomes
Cariátide de ausência isento de destinos
Invocando a presença já perdida
E dizendo sobre a fuga dos caminhos
Que foste como as ervas não colhidas.

(Sophia de Mello Breyner Andresen )
...

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails